quarta-feira, outubro 31, 2007

O que sempre quis ser...

Não me lembro da fase por que todas(?) as crianças passam de quererem ser médicos, bombeiros ou jogadores de futebol, embora me lembre de ter brincado aos médicos.
Lembro-me de facto, numa fase mais madura ter considerado ser polícia, comissário de bordo, professor de educação física e jornalista (entre outras coisas).
O que eu gostava MESMO de ter sido era alguém como este senhor, que no fundo tem um emprego que combina aspectos dos empregos mencionados em cima...

Acabei de ver o programa...

The Cook Report was a British television programme shown on ITV, produced for the network by Central Television from 1985 to 1998.
For sixteen series it featured Roger Cook travelling many miles investigating crooks and criminal activity and is best remembered for Cook's trademark confrontations with his targets, complete with his camera crew, in which he would often get verbally and physically abused.
The programme has exposed child pornography, Northern Ireland protection rackets, baby trading in Brazil, canned hunting in South Africa, loan sharks, the ivory trade, people smuggling, drug dealing, manipulation of the UK Singles Chart, war criminals in Bosnia and the Russian black market in weapons-grade plutonium.
The Cook Report ran regularly until 1998 when the programme hit its 120th episode. It was replaced by fewer, but longer, Cook Report Specials.
Roger is currently working on a number of projects, including further Cook Report Specials.
The programme returned for a one-off special, Roger Cook's Greatest Hits. The update episode was produced by ITV Productions and Interesting Films, and aired on Tuesday October 30, 2007. Roger Cook (born 6 April 1943 in New Zealand) is an investigative journalist, reporter and broadcaster.

(Info da wikipedia)

Red Socks&Prenda dali

A propósito de modalidades, aqui fica o registo da conquista do 7º título dos Boston Red Socks;
Os Boston Red Sox conquistaram ontem a World Series de 2007 ao vencer no quarto jogo os Colorado Rockies por 4-3.
(...)Depois de um jejum de 86 anos, a equipa de Boston consegue assim o segundo triunfo em apenas quatro anos.

Apesar de eu nunca ter apreciado baseball, a verdade é que é mais por desconhecer a maioria das regras do que por qualquer outra coisa.
Seja como for, quem não gosta de acertar com um bastão numa bola! Eu tive a sorte de receber este presente no Verão, e conto vir a dar-lhe uso em breve.
Obrigado também ao David por me ter ensinado a gostar das equipas de Boston (Celtics no basket e Red Socks no baseball) desde tenra idade. Conservo ainda a T-shirt que me trouxe de lá há uns 16 anos!

O hóquei não está OK!

Há muitos anos que leio o jornal O Jogo na sua edição online, coisa que se tornou diária desde que me mudei para estas paragens, de forma a acompanhar o que se passava em Portugal a nível desportivo. Preferia esta edição online à dos outros dois diários, por ter uma internet lenta e o site ser mais "leve" e acessível.
Ora ontem enchi-me, e a decisão foi tomada. Até que surja razão de maior, não lerei mais esse jornal, e aliás já tirei o link que mantinha no meu blogue.
Claro que isso não aquece nem arrefece ninguém, muito menos o pessoal do jornal, mas isso não me demove de expressar o meu protesto/desagrado.
Já que o inspector lipemarujo não descubriu a razão para tal decisão no desafio que lhe lancei, aqui fica o motivo:
Enchi-me da hipocrisia das capas, mas mais do que isso, o facto de na sua lista de modalidades nem sequer fazer menção ao hóquei patins, e ainda por cima ter hóquei em CAMPO!!Essa grande modalidade histórica em Portugal, com 2 ou 3 clubes e com uma selecção nacional de peso, conhecem?!
Claro que A Bola e O Record não são muito diferentes, mas são diferentes; e sei que por exemplo O Record, nem tanto online mas na edição impressa até vai acompanhando o hóquei em patins.
A Bola, numa famosa sondagen online entre os dias 21 e 25 de Outubro do ano passado,
à pergunta “Qual a sua modalidade «amadora» favorita num jornal desportivo?” publicou os resultados que se vêem aqui em baixo.
Ora o que é que os jornais estão a fazer para satisfazerem esse desejo dos leitores?
E é que não estamos a falar de sueca! Estamos a falar de uma modalidade com história, tradição, técnica, títulos internacionais como nenhuma outra em Portugal, etc. etc.!
Sei que os resultados de Portugal não têm sido brilhantes, mas escrevam ao menos a dizer isso! O hóquei está esquecido por já não haver um Benfica forte, por não haver "Panchitos"?!
Fornicai-vos todos!

Só não leio exclusivamente o infordesporto porque todos os sites do sapo estão bloqueados nas minhas escolas, mas vai direitinho para os meus links aqui no SAGA!
Para me deixar ainda mais mal disposto, li isto há meses no site do HC Braga e não me saiu da cabeça até hoje;
Apresentação da equipa aos patrocinadores e imprensa no dia 12 de Setembro.
Repare-se que o clube que me viu nascer, e que agora não é mais do que um negócio rentável(?)e instrumento de afirmação social para alguns, apresenta-se a toda a gente menos aos SÓCIOS!
Aliás, para quem contestar a ideia de que o clube me viu nascer, o meu pai é sócio fundador (ainda que agora distanciado) e eu sou também dos primeiros sócios...
E eu que até gostava de ir ver o Gulpilhares vs. HC Braga não fosse um certo casamento...

terça-feira, outubro 30, 2007

Business as usual

Pois caros amigos, cá estou de volta às blogadas. Isto depois de ter superado uma temerosa inspecção de rotina na minha escola secundária, onde os inspectores passaram a pente fino tudo o que havia na vida escolar, e onde tive que ir trabalhar como muitos outros numa tarde inteira de Domingo. Seguiu-se a visita do grande Marinho e sua senhora (não sei se estou autorizado a revelar nomes), e um preenchido fim-de-semana cultural.
Depois de tamanha ausência, perdoarão o chorrilho de posts que se avizinha...
Neste primeiro, além de assinalar o meu regresso, aproveito para comentar a notícia hoje vinda a público... O SC Braga despediu o Jorge Costa.

Ora não me parece que as coisas mudem muito (vulgo o SCB este ano fica a meio da tabela), mas espero estar enganado, o que acabará por se verificar se entrar alguém que abane com o estilo instalado.
O Braga tem jogadores para mais, só precisa de um motivador, um treinador-psicólogo.
Este gajo anda a bufar para ser nosso treinador, acho que lhe podíamos dar uma hipótese...

P.S. Relembro que neste post assegurei que esta época iríamos assistir a um mínimo de 7 chicotadas psicológicas...para lá se caminha!
Ao bicho não lhe resta outra coisa senão treinar no estrangeiro. Em Portugal não há clube maior do que o Braga para treinar!

quinta-feira, outubro 18, 2007

Obrigado


Um obrigado à Li que leu este post e depois de ter comprado as músicas online, decidiu partilhá-las comigo, a custo zero, ou pelo menos assumo eu que não haverá cobrança a posteriori.
Ainda não ouvi com atenção, mas foi com certeza uma agradável surpresa!!

Haka

Outro post que tinha na ideia de publicar há dias... aqui fica em vésperas da final do campeonato do mundo de Rugby.
Um último "well done" aos Lobos, e a tristeza por terem removido um vídeo do youtube com um "haka" lindo, liderado por aquele gajo neozelandês com cara de Timorense.
["This video is no longer available due to a copyright claim by Rugby World Cup Limited"]
De qualquer modo fica a história do haka e a diferença que era vê-los há anos fazer "a coisa" como se estivessem a dançar a Macarena!
A terminar, uma reflexão sobre a equipa da África do Sul que vai jogar na final. Onde estão os jogadores negros?!Em tudo há sempre um período de transição, mas há quantos anos acabou o apartheid?!?!
Vale-lhes aquele miúdo, o Habana, mas não chega para que os apoie. Que percam as duas, não sendo possível, vejo-me obrigado a inclinar-me mais para a Inglaterra. Pena não ver lá a Irlanda, tem uma equipa fixe...
Vi-os a dizer adeus ao campeonato num pub em Cork, a partilhar uma Murphy's em boa companhia...
Claro que nem falo da Nova Zelândia como equipa que gostaria de ver na final (nunca liguei a rugby, mas de há uns anos para cá tenho estado mais atento!)

Sai-me do bolso a mim também...


Eis um post que tinha de lado há muito para publicar.
Nada que não se soubesse já, mas é gritante; isto na altura em que rebentou agora uma polémica por uma ministra de um partido Católico ter cortado fundos governamentais a pessoal associado com palamilitares protestantes por estes não terem desarmado, como supostamente o IRA fez. De qualquer modo a ministra assegura que o dinheiro vai dado a outros projectos também da comunidade protestante, mas nem assim há contentamento... notícia :

"Division and conflict in Northern Ireland cost the taxpayer an extra £1.5bn[meu bold] every year, according to a report commissioned by the government.
The report estimated the cost of policing and security as well as the provision of separate housing and schools for Catholics and Protestants.

The Deloitte report found segregated housing has increased costs by £24m.

It said greater collaboration between schools could lead to savings of between £16m and nearly £80m.

The report's authors acknowledge that it is difficult to disentangle the costs of public services, to isolate those areas in which social division and conflict has led to extra cost.

They have opted for a broad approach, which not only takes in the provision of separate housing and schools but also includes costs such as policing riots, inquiring into past events and compensating people for terrorism-related injuries."

terça-feira, outubro 16, 2007

O Prémio

Competitivo e dado a desafios como sou, acabei por participar numa das muitas competições patrocinadas pelo blogue amigo e ganhei um terceiro prémio (ex equo).
Ora tal classificação diz bem da roubalheira de que fui alvo, uma vez que o meu trabalho fotográfico além de ter sido executado por mim próprio, o que representa por si só uma mais-valia, tinha clara e OBJECTIVAMENTE mais criatividade do que qualquer outro...
De qualquer modo agradeço e publicito aqui o prémio, que para mim é afinal mais valioso do que o anunciado primeiro prémio!
Fica portanto a visão de um desconhecido frequentador da prostituição em "Broxelas", que faz um balanço do negócio desde a entrada do Euro.
Sinto que muito mais haveria a informar, mas percebo que o indivíduo não é propriamente um jornalista; fica o resto para uma próxima oportunidade, e ficamos, contudo, um pouco mais ricos ao ver, e OUVIR, este indivíduo a quem lipemarujo ousou emprestar a sua amada... guitarra!

segunda-feira, outubro 08, 2007

Ainda os Profs

Não gosto de andar para aqui a "trocar galhardetes" e a jogar ping-pong, mas lipemarujo neste seu post faz com que tenha que remetê-lo a este meu post que julgo, leu recentemente, pelo que não percebo certas críticas que me faz.
Miguel Sousa Tavares escreve muitos artigos de opinião, pois muito bem; pode fazer os juízos de valor que bem entender nessa qualidade de jornalista de opinião.
Tem razão no que diz? Quanto a mim numa pequena parte apenas. Parte de pressupostos errados? Sem dúvida. Fala com conhecimento de causa? Dificilmente...
Do que conheço de MST, e tendo em linha de conta o universo dos meus conhecidos/amigos, elegeria lipemarujo como sendo aquele com um perfil/carácter mais parecido com MST.
Pode parecer uma coisa absurda de dizer/escrever, mas de facto não o é. Imagino que isto possa ser tomado (pelo lipemarujo!) como um elogio, mas isso já não é comigo.
Sei que lipemarujo foi de novo prepotente, pedante, e leviano nos seus posts sobre a matéria, e na decisão de não permitir comentários aos posts em questão no seu blog, mas MST também o é; são coisas que não me surpreendem, mas desiludem-me.
Disse no meu post que "a coisa não se resolve com artigos destes", porque não vejo o que é que o artigo de MST traz de novo à problemática abordada.
P.S. A FENPROF é uma merda. (Como em tudo, temos o que merecemos).

domingo, outubro 07, 2007

Bésame mucho...

Pois caros amigos, no passado mês de Agosto lá fui ao casamento do Raúl, e peço desculpa por não ter tido a oportunidade de postar sobre tamanho acontecimento antes...
Sobre o evento, pouco posso dizer. Ambos disseram que sim, cerimónia bonita, comeu-se e bebeu-se; Raúl e Catarina estão felizes, e isso diz tudo.
Houve no entanto outro acontecimento que arrebatou a plateia, como já foi divulgado aqui
Depois deste beijo, fiquei com a impressão que o Raúl se arrependeu de ter casado...
O beijoqueiro lipemarujo, é um gajo muito fora, mas não tem emenda!
Sem mais delongas ou comentários, aqui fica, desta vez com uma filmagem de maior qualidade.

sábado, outubro 06, 2007

Per la mia Fiorentina

Questo post è per la amica Maria Marinesi qui si sposa oggi.
"In boca al lupo..."
Viva gli sposi!


El tiempo es la substancia de que estoy hecho, el tiempo es un río que me arrebata, pero yo soy el río; él es el tigre que me destroza, pero yo soy el tigre. Es un fuego que me consume, pero yo soy el fuego.
Time is the substance from which I am made. Time is a river which carries me along, but I am the river; it is a tiger that devours me, but I am the tiger; it is a fire that consumes me, but I am the fire.

Jorge Luis Borges

terça-feira, outubro 02, 2007

Radiohead usam a cabeca...


Radiohead Asks: What Would You Pay For An Album?
The British band announced this week that it will sell its new album from its Web site as a digital download without copy protection and allow fans to decide how much to pay.


Assim sim...

Nao me espanta, mas desilude-me


Tenho admiracao e estima por Miguel Sousa Tavares, (quanto mais nao fosse por ser portista!), mas algumas das suas posicoes inflexiveis e extremistas desiludem-me e preocupam-me. Pessoas inteligentes como ele nao deviam ser tao simplistas e "narrow-minded", ainda que o possa estar a ser conscientemente e para provocar reaccoes.

Coisas de espantar (in ExpressoOnline)

8:00 | Segunda-feira, 1 de Out de 2007
(...)
4. Saiu o regulamento para a classificação dos professores com vista à sua subida na carreira. Desapareceu a enormidade da participação dos pais no processo (a menos que sejam os próprios professores a requerê-la), evitou-se a discriminação de condições entre escolas boas e escolas "difíceis" e o que restou pareceu-me um sistema adequado e justo para premiar o mérito, a assiduidade e o esforço - certamente melhor do que nada. Mas, claro, a Fenprof está contra - como sempre, sempre, está contra qualquer medida que exija resultados ao sistema e aos professores e que tente inverter a situação catastrófica em que tem vivido o ensino. À Fenprof interessa apenas o que respeite ao bem-estar dos professores, mesmo que à custa da perpetuação do subdesenvolvimento cultural do país. A Fenprof acha que um professor que falte deve ter os mesmos direitos que um que não falte; acha que um que obtenha melhores resultados não deve ser beneficiado relativamente a outro que se está nas tintas para os resultados dos alunos; acha que um sistema de classificação em que nem todos podem obter a classificação máxima está desvirtuado à partida; acha, em suma, que classificar professores em função do seu mérito e dos resultados obtidos é uma ofensa aos direitos adquiridos.

Ha muito professor que nao e profissional, que esta acomodado, que me esta inclusivamente, permitam-me a ousadia, a tapar a vaga. Mas as coisas nao se resolvem com artigos destes, e ou se sabe avaliar os dois lados da medalha como competia a MST, ou entao nao vale a pena.
Mais desiludido fiquei quando soube do alegado "plagio" de uma outra obra no seu livro Equador...

A minha fotografia
Nome:
Localização: Ireland

"O mito é o nada que é tudo/ O mesmo sol que abre os céus/ É um mito brilhante e mudo..." Pessoa. Assim sou eu...

Powered by Blogger